Economia: O que muda em 2022 e quais os benefícios os brasileiros terão este ano

Aranãs FM

Além do reajuste salarial, da aposentadoria e da mudança dos valores de benefícios como PIS/Pasep e seguro-desemprego, os brasileiros têm a promessa de ampliação do alcance de programas sociais, como: Auxílio Brasil, Tarifa Social de Energia e Vale-gás.

Outra preocupação para os brasileiros são os reajustes tradicionais de começo de ano: IPTU, IPVA e também a compra de material escolar para aqueles que têm filhos em idade escolar. Pensando nisso, o Jornal da Aranãs separou uma lista com os benefícios e o que irá mudar este ano para melhoria no bolso do brasileiro.

Auxílio Brasil:

A terceira parcela do benefício começará a ser paga em 18 de janeiro. O Ministério da Cidadania promete adicionar mais 2,7 milhões de beneficiários em janeiro, “zerando a fila de espera do ano de 2021”. Não há, entretanto, garantia de expansão do programa para além desse adicional.

Vale-gás:

O novo benefício começou a ser pago em dezembro, no valor de R$ 52, mas apenas nas cidades de Minas Gerais e Bahia atingidas pelas chuvas. O calendário regular de pagamentos começa no dia 18 de janeiro, seguindo as datas do Auxílio Brasil. Os critérios de participação são: famílias inscritas no Cadastro Único com renda per capita menor ou igual a meio salário mínimo e integrantes do BPC.

Tarifa Social de Energia:

A partir deste ano, as famílias inscritas no Cadastro Único ou no Benefício de Prestação Continuada serão incluídas automaticamente pelas distribuidoras na Tarifa Social de Energia Elétrica. O subsídio corresponde a um desconto na conta de luz, que varia de 10% a 65%, até o limite de consumo de 220 kWh (quilowatts-hora por mês).

Regras para empréstimo consignado mudam:

A partir deste ano, volta a valer a regra anterior para aposentados e pensionistas tomarem empréstimos consignados. A chamada margem de empréstimo consignado volta para 35%, sendo 30% para o pagamento de empréstimos pessoais e 5% para despesas com cartão de crédito. Ou seja, o limite de comprometimento da renda com empréstimos passa a ser menor.

Benefícios do INSS e prova de vida:

Os benefícios do INSS com reajuste começarão a ser pagos entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro para aqueles que recebem um salário mínimo. Segurados com renda mensal acima do piso nacional terão seus pagamentos creditados a partir de 1 de fevereiro. Em 2022, a prova de vida volta a ser obrigatória para aposentados e pensionistas que recebem benefícios por meio de conta corrente, poupança ou cartão magnético.

Abono salarial PIS/Pasep:

O calendário de pagamentos do abono salarial do PIS/Pasep relativo ao ano-base 2020 terá um calendário diferente em 2022. Por decisão do governo, os valores previstos para o segundo semestre de 2021 serão pagos no início de 2022. Segundo o Ministério do Trabalho e Previdência, o próximo calendário deverá ser aprovado ainda este mês.

Deixe seu comentário:

Next Post

Confira calendário de pagamentos do INSS de 2022

Os mais de 36 milhões de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já podem checar a data dos depósitos dos benefícios ao longo de 2022. Para aqueles que recebem um salário mínimo, os depósitos referentes a janeiro serão feitos entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro. Segurados com […]