Homem é agredido por namorada ao sugerir que filho se chame ‘Gabriel de Arrascaeta’

Aranãs FM


Um homem, de 21 anos, alegou ter sido agredido pela companheira, de 20 anos, após ele ter sugerido registrar o filho com o nome de ‘Gabriel de Arrascaeta’, em homenagem a dois jogadores do Flamengo. O caso aconteceu na cidade de Juíz de Fora, em Minas Gerais.

O fato ocorreu no último domingo, 20, porém foi divulgado nesta quarta-feira, 24. Segundo informações da Polícia Militar, o casal estava na casa dos pais da moça, no bairro Bairu, quando começaram a discutir sobre o nome do filho. Ao sugerir a homenagem aos jogadores Arrascaeta e Gabigol, sua namorada não teria gostado e o casal teria se desentendido até que a jovem arremessou um copo na cabeça do rapaz.

Uma viatura foi até o local, mas a vítima não quis registrar o boletim de ocorrência contra a namorada, que está grávida. Devido o ferimento, ele precisou se deslocar até o hospital da região.

Por: Luiz Fernando / Imagens: Reprodução Internet.

Deixe seu comentário:

Next Post

Caixa libera abono salarial para trabalhadores nascidos em outubro

Os trabalhadores da iniciativa privada nascidos em outubro recebem hoje (24) o abono salarial ano-base 2020. A Caixa Econômica Federal iniciou o pagamento em 8 de fevereiro e prosseguirá com a liberação até 31 de março, baseada no mês de nascimento do beneficiário. Também hoje, o Banco do Brasil libera o abono salarial para trabalhadores do setor público […]