Campanha Declare seu Afeto! Saiba como doar

Aranãs FM

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente em Capelinha lançou a Campanha Declare seu Afeto, que arrecada fundos que são destinados para melhorar a vida de crianças e adolescentes em situação de risco social ou pessoal no município.

A renda empregada no projeto social vem de destinação de pessoas físicas. Para doar, o contribuinte deve destinar 3% no ato da declaração do imposto de renda, vale ressaltar que a pessoa física não pagará um valor maior de imposto e não terá o valor de sua restituição diminuído.

A doação deve ser feita diretamente com o contador, a porcentagem será destinada ao Fundo inscrito no Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH)para doações por meio da Declaração do Imposto de Renda de Capelinha. A declaração do imposto de renda terá início em 1º de março deste ano.

De acordo com a nota, o ato apenas permitirá que parte do imposto devido, apurado no Documento Administrativo de Acompanhamento (DAA), seja destinado diretamente para o Fundo da Infância e Adolescência de Capelinha.

 

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Em 2021 o CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Capelinha utilizou de recursos elencados no FIA – Fundo da Infância e Adolescência o valor de R$ 60.000,00 (sessenta mil reais) a serem utilizados através de Edital para apoio às instituições de acolhimento de crianças/adolescentes e a rede de garantia de direitos e o projeto SPAE Sonhos possíveis através do Esporte, campanhas educativas como o Projeto”, informa a nota de divulgação.

 

Por Ana Paula Tinoco

Deixe seu comentário:

Next Post

Receita anuncia regras da Declaração do Imposto de Renda deste ano

A Receita Federal anunciou hoje (24) as regras para a Declaração do Imposto de Renda de 2022. A entrevista coletiva foi conduzida pelo auditor–fiscal José Carlos da Fonseca, responsável pelo programa do Imposto de Renda. A partir de março, o contribuinte terá de cumprir a obrigação anual de prestar contas […]