Dinheiro ‘esquecido’ no banco: como consultar e resgatar valores devidos a familiares que já faleceram?

Aranãs FM
Moeda Nacional, Real, Dinheiro, notas de real

Recursos ‘esquecidos’ nos bancos de brasileiros que morreram ou de empresas já encerradas também poderão ser resgatados no novo sistema lançado pelo Banco Central.

Tendo em mãos o número de CPF ou CNPJ e a data de nascimento ou de abertura da empresa, já é possível saber se há ou não recursos esquecidos vinculados a uma pessoa ou empresa – mesmo que o titular já tenha falecido, ou a empresa sido fechada.

Os procedimentos para a consulta dos valores e solicitação da devolução nesses casos, porém, ainda não foram detalhados pelo BC. O Banco Central promete informar ‘em breve’ quais serão os procedimentos para que essa consulta de valores e o resgate possam ser feitos por terceiros.

A consulta e resgate são feitos exclusivamente pelo site https://valoresareceber.bcb.gov.br/, lançado nesta semana pelo Banco Central.

O BC estima em R$ 8 bilhões o valor total a ser devolvido aos clientes. Nesta primeira fase, foram abertas consultas referentes à metade, R$ 4 bilhões. Em 2 de maio, as consultas a uma nova fase serão abertas.

Como consultar

  1. Acesse o site https://valoresareceber.bcb.gov.br/
  2. Os clientes precisam do CPF, no caso das pessoas físicas, e do CNPJ, no caso das empresas, para consultar a existência de recursos para saque.
  3. A página vai informar uma data para consultar os valores e solicitar o saque – anote esta data
  4. Na data informada, retorne à página https://valoresareceber.bcb.gov.br/
  5. Use seu login gov.br para acessar o sistema (clique aqui para ver como fazer o cadastro)
  6. Após o acesso, consulte o valor e solicite a transferência

 

Fonte: G1

Deixe seu comentário:

Next Post

Morre o jornalista e cineasta Arnaldo Jabor, em São Paulo

O jornalista e cineasta, Arnaldo Jabor, morreu na madrugada desta terça-feira, 15, aos 81 anos em São Paulo. Ele estava internado desde o dia 17 de dezembro no Hospital Sírio Libanês, após sofrer um acidente vascular cerebral. Segundo a família do jornalista, ele faleceu em decorrência de complicações do AVC. […]