Três homens e uma mulher são presos em Capelinha suspeitos de associação criminosa, entre outros crimes

Aranãs FM

Foto Divulgação Polícia Militar

 

Três homens de 20, 31 e 34 anos e uma mulher de 26 foram presos nesta sexta-feira (21), em Capelinha, suspeitos de associação criminosa, adulteração de sinal identificador de veículo, direção perigosa e resistência à prisão.

Segundo informações da Polícia Militar, os homens são suspeitos de cometer diversos furtos em diversas cidades da região. Ao serem localizados em Capelinha, os militares, além das prisões, apreenderam duas sacolas plásticas e um saco plástico com grande quantidade de moedas, R$ 454 em dinheiro, uma caixa de ferramentas (chave catraca) e um celular.

Ainda segundo informações da Polícia Militar, um dos suspeitos, que tem passagem pela Polícia, foi identificado após perder os documentos pessoais durante fuga, em Turmalina. Com o auxílio da inteligência, os militares conseguiram identificar o carro, que eles teriam usado para cometer crimes em Água Boa e Malacacheta, na madrugada do dia 20 de janeiro deste ano. Na ocasião, eles teriam furtado vários celulares, caixa de ferramentas, entre outros materiais.

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito, que foi identificado e tem 30 anos, conseguiu fugir e ainda não foi localizado. Os três homens e a mulher, junto com o material apreendido, foram presos em flagrante e levados para a delegacia de Polícia Civil de Capelinha.

 

Por Ana Paula Tinoco

Matéria atualizada para correção de informação, foram três homens presos e uma mulher e não quatro como havia sido informado. Atualização realizada às 13h08 de sábado (22)

Deixe seu comentário:

Next Post

Homem de 39 anos é preso por posse ilegal de arma de fogo em Minas Novas

Divulgação Polícia Civil e Militar   Um homem de 39 anos foi preso por posse ilegal de arma de fogo, nesta quinta-feira (21), em Minas Novas. Segundo informações da Polícia Militar, a prisão ocorreu durante ação conjunta com a Polícia Civil, que cumpria mandados de busca e apreensão em três […]