Entenda as mudanças para regras no vale-alimentação e no vale-refeição

Aranãs FM

O decreto nº. 10.854/21 agregou e simplificou algumas instruções trabalhistas, entre elas o uso de vale-alimentação e refeição. Anunciadas em 10 de novembro, as mudanças passam a valer a partir de hoje, 11 de dezembro.

Segundo o novo instrumento, estabelecimentos que aceitam receber vale-alimentação não devem fazer distinção entre as bandeiras das operadoras dos cartões. A norma diz também que as empresas não podem firmar parcerias economicamente vantajosas, como descontos em taxas ou recebimento antecipado de valores, com as operadoras e bandeiras de cartões.

Uma novidade é a portabilidade de créditos para empresas que usam o Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT). Na prática, funcionários que acumularem valores não utilizados em seus cartões poderão, caso haja mudança na bandeira do cartão, transferir todo o dinheiro para a nova bandeira sem pagar taxas.

O prazo de adaptação para as novas regras é de 18 meses. Para empresas que já possuem contratos vigentes com bandeiras e operadoras de cartão, haverá a necessidade de alteração dos termos contratuais, que devem passar a obedecer às novas exigências.

Na prática, as mudanças permitirão que funcionários utilizem os créditos tanto do vale-alimentação quanto do vale-refeição em mais estabelecimentos.

As obrigações para os usuários também permanecem. Trabalhadores que recebem o benefício não poderão usá-lo para comprar bebidas alcoólicas nem converter o saldo por dinheiro em espécie.

 

Fonte: Agência Brasil

Deixe seu comentário:

Next Post

Dois homens foram presos suspeitos de furto e receptação em Turmalina

Foto: Divulgação Polícia Militar Um homem foi preso suspeito de ter furtado fios de cobre em uma usina de produção de energia solar em Turmalina, nessa sexta-feira (10). Segundo informações do Sargento Paulo Eder, após receber diversas denúncias sobre o furto, os militares iniciaram uma operação de busca e localizaram […]